Marketing Pessoal aplicado ao Personal Trainer

Estamos vivendo na era da informação, também conhecida como era digital, e a imagem é o diferencial para abrir ou fechar portas no mercado de trabalho, exigindo que o Personal Trainer se destaque, motivo pelo qual é de extrema importância investir no marketing pessoal.

Marketing pessoal é um conjunto de ferramentas que o profissional utiliza para fazer que os seus serviços e/ou produtos sejam conhecidos, apreciados e comprados pelo consumidor final, que é o cliente. É a capacidade de atrair e manter relacionamentos de forma permanente sem ser deselegante, para que, através e por meio deles, se realizem ciclos de atendimento de necessidades mútuas, gerando satisfação a todos, no aspecto pessoal (familiares, amigos, sociedade etc.) e profissional (equipe de trabalho, colegas, clientes, gestores, fornecedores, parceiros etc.).

Para começar a construir uma imagem de sucesso, são apresentados, abaixo, sete etapas para desenvolver um Plano de Marketing Pessoal aplicado ao Personal Trainer:

  1. Estabeleça seus objetivos para atingir o sucesso:
  • Conheça a si mesmo (autoconhecimento): Qual a sua missão, visão e valores. Quanto mais compreender a sua essência, maiores serão as chances de escolher os melhores caminhos;
  • Conheça suas força e fraquezas: Identifique os seus pontos fortes e quais competências (técnicas ou comportamentais) devem melhorar;
  • Busque conhecimento, através de cursos, leitura de artigos científicos, livros etc.;
  • Organize sua agenda (administração do tempo): Horários das aulas e preparação delas, deslocamento, alimentação etc.;
  • Defina o valor disponível para investimento;
  • Defina os equipamentos e materiais necessários: Frequencímetro, software, equipamentos e acessórios funcionais etc.;
  • Estime a quantidade de alunos que pretende atender.
  1. Identificar o ambiente e o público-alvo:
  • Fatores Geográficos: Conheça o mercado, regiões e local(is) de atuação (Academias, Clubes, Condomínios, Hotéis etc.);
  • Fatores Demográficos: Identifique a faixa etária, sexo, renda e profissão dos clientes em potencial;
  • Fatores Psicográficos: Identifique o comportamento e estilo de vida dos clientes;
  • Fatores Comportamentais: Identifique os hábitos de lazer e consumo dos clientes;
  • Especifique o perfil de atendimento: Individual, dupla, pequenos grupos, grupos específicos (obesos, idosos, gestantes etc.).
  1. Criação de identidade visual:
    • Procure um profissional para criação da logomarca e desenvolvimento do manual da marca;
    • Registre o domínio do seu site e contrate um provedor de hospedagem.
  1. Procurar parcerias:
  • Estabeleça parcerias com profissionais da área da saúde (médicos, nutricionistas, fisioterapeutas etc.), empresas, clínicas, academias ou condomínios.
  1. Selecionar os meios de divulgação:
  • Cartão de apresentação, com telefones e e-mail para ser localizado facilmente;
  • Uniforme personalizado (camiseta, agasalho etc.);
  • Site pessoal, Blog, Redes Sociais, sites de compartilhamento de dados (exemplo: Google Drive, Youtube, Google Agenda etc.);
  • Assinatura digital (e-mail);
  • Portfólio de apresentação com resumo das principais qualificações, experiência profissional, metodologia de trabalho, depoimentos, fotos etc.;
  • Newsletter (dicas de saúde);
  • Envelopamento de veículos;
  • Brindes promocionais (podômetro, squeeze, toalha, caneta, calendário, camiseta etc.).
  1. Ações de comunicação e marketing:
  • Determine o período de utilização dos meios de marketing, com base na análise do custo, impacto e seletividade da mídia.
  1. Desenvolver critérios de acompanhamento:
  • Padronização de formulários: anamnese, questionários, planilhas de evolução dos treinos com gráfico;
  • Prestação de serviços complementares (mensal, bimestral ou trimestral): avaliação física e/ou funcional, orientação sobre bem estar e qualidade de vida etc.;
  • Prepare um fichário ou um arquivo para cada cliente, contendo informações sobre o histórico de cada sessão;
  • Obtenha o feedback de seus clientes através de fichas (termômetros) de satisfação mensalmente.

Para o Personal Trainer, o plano de marketing pessoal trata-se de uma ferramenta de gestão adaptada do ambiente corporativo, fácil de ser implantado, que deve ser regularmente utilizada e atualizada, permitindo analisar o mercado, novas tendências e as expectativas dos clientes, definindo resultados a serem alcançados e formular ações.

Não espere pelas circunstâncias adequadas, comece hoje o seu plano de marketing pessoal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*